22 NOVEMBRO 2021

“MELHOR VINHO DO ANO” E O “MELHOR VINHO GENEROSO”

MOSCATEL ROXO 20 ANOS

wine corner carta de inverno O Moscatel Roxo 20 anos da José Maria da Fonseca voltou a ser distinguido duplamente, com os prémios de ‘Melhor Vinho do Ano’ e de ‘Melhor Vinho Generoso’ da Península de Setúbal, no âmbito da XXI edição do Concurso de Vinhos, organizado pela Comissão Vitivinícola Regional da Península de Setúbal. A Cerimónia de Entrega de Prémios decorreu esta segunda-feira na Quinta de Monsanto, em Lisboa.

O Moscatel Roxo é um vinho generoso produzido unicamente na região da Península de Setúbal, onde a casta que lhe dá origem – o Moscatel Roxo de Setúbal – esteve praticamente extinta na segunda metade do século passado. Foi Fernando Soares Franco - 5ª geração da família - grande entusiasta pela viticultura e pela casta Moscatel Roxo de Setúbal em particular, que empreendeu esforços, nas décadas de 70 e 80, para salvá-la da extinção. O Moscatel Roxo destaca-se do seu congénere Moscatel de Setúbal pelo aroma bastante intenso com notas de especiarias e pelo paladar frutado, com maiores níveis de concentração, sendo a José Maria da Fonseca o principal produtor desta casta.

O Moscatel Roxo 20 anos da José Maria da Fonseca é um lote de 4 colheitas, em que a colheita mais nova tem 23 anos e a mais antiga 80, sendo que estagia em cascos de madeira usada, tendo como objetivo um longo processo oxidativo, nas caves da José Maria da Fonseca em Azeitão. De cor âmbar com laivos esverdeados, este Moscatel Roxo tem aromas a caramelo, laranja e especiarias.

Esta já é a terceira vez que este Moscatel Roxo é distinguido como o melhor vinho do ano e como o melhor vinho generoso, visto que já o tinha sido nas edições XI e XIX do Concurso de Vinhos da Península de Setúbal. Além destas duas distinções, a José Maria da Fonseca conquistou ainda mais uma medalha de ouro com o Alambre 20 anos.


VER MAIS NOTÍCIAS   

content